Cachoeira da Fumacinha – Chapada Diamantina

A Cachoeira da Fumacinha está localizada na cidade de Ibicoara, região sul do parque, distante 210km de Lençóis. O deslocamento entre as cidades leva cerca de 3 horas de carro. Por isso, pernoitar na região é a melhor opção e quem está hospedado em Lençóis vai ter dificuldade para encontrar uma agência que faça esse passeio. A hospedagem em Mucugê é uma outra opção, porém fica a 78km de Ibicoara.

Cachoeira da Fumacinha, Chapada Diamantina

A trilha por baixo é o caminho mais conhecido e mais bonito, uma caminhada de um dia inteiro para acessar a queda d’água e voltar. É considerado um dos passeios mais pesados da Chapada. Pode ser perigoso e até inacessível visitar a cachoeira por baixo na época das chuvas (de novembro a março). Há um grande risco de tromba d’água e algumas pessoas já ficaram presas no meio do caminho, esperando o nível do rio baixar.

Para chegar à Cachoeira da Fumacinha é obrigatória a presença de um guia de Ibicoara credenciado na associação da região. Durante o nosso trajeto não vimos nenhum tipo de controle de visitantes, mas realmente recomendamos o guia, pois a trilha não é bem delimitada. Quem tem mais tempo e quer aproveitar melhor a cachoeira, pode fazer o passeio em dois dias, acampando na trilha.

Trilha por baixo

Do centro de Ibicoara até o início da trilha, ainda há um percurso de 30 km em estrada de terra que dura cerca de 1 hora de carro. Por isso, deve-se sair bem cedo.

A trilha apresenta 9km somente na ida, totalizando 18km para ir e voltar. Normalmente são necessárias três a quatro horas para chegar à cachoeira. A caminhada não apresenta subida acentuada, mantendo uma altitude constante.

O caminho inicia junto a uma casinha de pau a pique. O primeiro trecho é de terra, bem plano e dura cerca de 40min. Aqui é possível avistar o Mucugê, fruto da árvore de mesmo nome, típico da região. Vale a pena tentar pegar um para experimentar. É difícil descrever o sabor, mas é semelhante ao Cupuaçu.

Início da trilha para a Cachoeira da Fumacinha

Início da trilha para a Cachoeira da Fumacinha

O resto do percurso é feito acompanhando o leito do rio Riachão, pulando de pedra em pedra, cruzando as margens diversas vezes, caminhando por fendas e se apoiando como numa escalada, algumas vezes. O passeio ocorre dentro do Cânion da Fumacinha, com os paredões de rocha nos cercando por horas.

No percurso, passamos por diversos poços e cachoeiras, como o Lago do Baixão, Poço da Pedra Lascada, Cachoeira do Encontro e Poço da Cachorra. Geralmente acampa-se próximo à Cachoeira do Encontro.

Trilha para a Cachoeira da Fumacinha

Cachoeira do Encontro

Cachoeira do Encontro

Poço da Cachorra

Poço da Cachorra

Poço da Pedra Lascada

Poço da Pedra Lascada

No final da caminhada, as paredes do cânion se fecham subitamente, mas já é possível avistar a cachoeira escondida lá dentro e ouvir o barulho da queda d’água. Para chegar ao poço, devemos atravessar uma fenda bem estreita com pedras escorregadias. É preciso se apoiar com firmeza para não escorregar no limo e cair nesse trecho final.

Cânion da Fumacinha, Chapada Diamantina

Trilha da Cachoeira da Fumacinha, Chapada Diamantina

Trilha da Cachoeira da Fumacinha, Chapada Diamantina

Finalmente, chega-se à Cachoeira da Fumacinha. Uma formação natural sem igual. A queda d’água possui 100 metros de altura e o seu enorme poço de águas escuras se estende até o final (ou início) do cânion. As imagens não conseguem demonstrar a imensidão desse local. Raramente bate sol na cachoeira, quando isso ocorre em um curto período do verão, dura pouquíssimo tempo. As paredes são completamente tomadas por musgo e faz bastante frio lá dentro. A água é extremamente fria, poucos se atrevem a entrar. Mas é uma recompensa incrível mergulhar nas águas desse local tão fascinante. Experimente flutuar olhando para a abertura acima do cânion, certamente não se arrependerá.

Cachoeira da Fumacinha, Chapada Diamantina

Cachoeira da Fumacinha, Chapada Diamantina

Cachoeira da Fumacinha, Chapada Diamantina

Cânion da Fumacinha, Chapada Diamantina

Cânion da Fumacinha, Chapada Diamantina

A Cachoeira da Fumacinha ainda não é tão visitada devido ao nível da trilha e à distância de Lençóis. Pode ser que você não encontre ninguém pelo caminho.

Trilha por cima

Percurso de carro de 30 km (1 hora de duração) em estrada de terra até o início da trilha. São cerca de 5 km de até a cachoeira, uma caminhada de aproximadamente 2 horas. A trilha é considerada leve, mas possui forte exposição ao sol, pois a vegetação é rasteira nesse local. Chegando à parte de cima da cachoeira, é possível observar a parte inicial da queda que não se vê por baixo, e o início do seu desfiladeiro. O cenário é mais interessante quando a cachoeira está com um bom volume de água. É possível descer uma parte do cânion até uma caverna que fica atrás da queda d’água, um local quase desconhecido.

Guias

Recomendamos a associação de guias Bicho do Mato em Ibicoara, em especial o Marcinho (eco.marcio@hotmail.com), que nos acompanhou. A associação estava fechada quando chegamos, então sugerimos que você entre em contato com o guia previamente. Normalmente eles não possuem carro, por isso é ideal que você esteja com um.

Ficha do Passeio

Localização: Ibicoara.

Acesso: trilha de 18 km (ida e volta).

Tempo médio: 8 horas.

Valor de forma independente: R$ 100 por grupo (diária do guia).

Valor por Agência: média de R$ 250 por pessoa (inclui transporte e guia).

Charlico e Larissa

Juntos há 12 anos, desenvolvemos a paixão por viagem e aventura. Sempre que podemos unimos um ao outro. buscamos realizar o máximo de atividades possíveis em cada viagem. Ele é publicitário e baterista. Ela é veterinária, fotógrafa e entusiasta de yoga.

Você pode gostar...